Ideias de festa de Halloween 2020

 Educandos foram beneficiados também com kits de alimentos - Foto: Incra/MA

Educandos foram beneficiados também com kits de alimentos - Foto: Incra/MA

Larissa Silva dos Santos Oliveira, moradora do assentamento Engenho D'Água, no município de Caxias (MA), é um dos 76 estudantes do curso Técnico em Agropecuária, ofertado pelo Programa Nacional de Educação na Reforma Agrária (Pronera) do Incra, em parceria com o Instituto Federal do Maranhão (Ifma), beneficiados com auxílio financeiro emergencial durante o período de pandemia da covid-19. O auxílio foi dividido em duas parcelas de R$ 180, pagas nos meses de maio e junho de 2020.

Esta ação tem sido fundamental para garantir condições de que os discentes continuem no curso, realizado no modelo de regime de alternância em dois momentos distintos: o Tempo Escola, com aulas realizadas no campus do Ifma, e o Tempo Comunidade, no qual os educandos desenvolvem atividades nas comunidades onde residem.

A professora do Ifma, Verônica Meira, é coordenadora do curso e ressalta que, além do auxílio emergencial, os estudantes também receberam kits de alimentos, viabilizados por meio do Programa Nacional de Alimentação Escolar (Pnae). “Todos os alimentos que compõem os kits foram comprados de trabalhadores rurais da região e que atuam na agricultura familiar”, enfatiza.

Soma de esforços

Integrante da equipe do Pronera no Incra/MA, Valeria Rodrigues considera fundamental para o momento a junção de esforços empreendidos pelas duas instituições para assegurar apoio aos beneficiários da reforma agrária. “Esses assentados buscam a construção de uma perspectiva de melhoria de qualidade de vida por meio da educação. Toda a ajuda possível neste momento de pandemia é importante e bem-vinda”, reforça.

Para o superintendente regional do Incra/MA, Orlando Antônio Bertrand Júnior, a complexidade de um estado com diversas realidades regionais e a capilaridade da autarquia, que está presente em praticamente todos os municípios do Maranhão, atuando em diversas frentes, dentre elas a educação no campo, torna necessárias ações desenvolvidas por meio desses acordos institucionais. “Essas parcerias são ainda mais importantes nesse momento de pandemia e exigem esforços desta natureza para assegurar o apoio que os assentados da reforma agrária precisam”, destaca Bertrand Júnior.

O curso Técnico em Agropecuária ofertado pelo Pronera no Maranhão inclui, em seu corpo discente, estudantes residentes nos assentamentos Engenho D’Água, Buriti do Meio, Conceição do Mocambo, São Manoel e Caxirimbu.

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.